Símbolos Religiosos – Significados, Origem, Tipos de Símbolos Religiosos

Praticamente todas as religiões estabelecem símbolos, que têm o objetivo de comunicar, geralmente, valores. Os símbolos religiosos também carregam tradições e histórias e são usados para fortalecer a fé de seus seguidores.

Origem dos Símbolos religiosos e seus significados

Todas as religiões têm um símbolo principal que mais a representam. Veja a seguir a origem dos símbolos religiosos e seus significados:

  • Cruz – Cristianismo: símbolo principal do Cristianismo, ela já era utilizada por povos pagãos, antes de Cristo. A cruz foi incorporada às religiões cristãs, mas chegou a ser proibida pelo imperador romano Constantino, no século IX.

A cruz representa a morte de Jesus Cristo. Também simboliza Deus e o Espírito Santo.


  • Estrela de Davi – Judaísmo: O principal símbolo do Judaísmo. Tem o formato de duas pirâmides: uma que aponta para baixo e outra para cima, formando uma estrela. A Estrela de Davi representa o equilíbrio entre a Terra e o Céu.

Acredita-se que o rei Davi já gravava o símbolo nos escudos dos homens de seu exército para protegê-los durante as batalhas. A partir de então, esse símbolo passaria a identificar o povo judeu.

  • Lua Crescente e Estrela – Islamismo: pesquisadores acreditando que antes mesmo da religião Islã, os árabes já prestavam culto à Lua e às Estrelas, durante suas constantes viagens noturnas. O símbolo, porém, foi adotado na bandeira do Império Islâmico e passou a servir como identificação dos muçulmanos.
  • Om – Hinduismo: trata-se da forma escrita do principal mantra da religião. O mantra, como um símbolo, aparece em diversos textos das escrituras hinduístas – os Vedas – e significa “aquilo que protege”.

Mantras são palavras que repetidas de forma entoada ajudam na concentração para meditar, além de invocarem as divindades.

  • Dharmacakra – Budismo: o símbolo trata-se de um círculo do qual saem 8 raios. É conhecido também como a “Roda do Dharma”. Embora exista uma polêmica se o Budismo é uma religião ou uma filosofia de vida, o Dharmacakra é o símbolo mais usado pelos budistas.

Origem dos Símbolos religiosos e seus significados – Parte IIImagem de Símbolos Religiosos

  • Yin-Yang – Taoísmo: o símbolo da religião foi criado pelos chineses. Eles teriam estudado as sombras refletidas pelo movimento do sol e, assim, criaram uma espécie de infográfico – que representa a duração dos dias e das noites no decorrer dos anos. O símbolo representa o equilíbrio e a importância dos opostos para tudo o que há no Universo.
  • Estrela de 9 pontas – Fé Bahá’í: religião persa, fundada por volta de 1844 e que prega as lideranças de personagens da história, como de Jesus Cristo e Maomé – considerados líderes enviados por Deus.

As nove pontas da estrela simbolizam 9 religiões das quais a Fé Bahá’í extrai ensinamentos: hinduísmo, sabeísmo, judaísmo, budismo, islamismo, cristianismo, fé babí, zoroastrismo e fé bahá’í.

  • Khanda – Sikhismo: o principal símbolo dessa religião se trata de uma espada de dois gumes, sendo que o círculo central representa Deus. O símbolo ainda faz referência a perfeição e a infinitude da divindade. Já a espada à esquerda simboliza o poder espiritual que cruza com o poder político – esse, representado pela espada que fica à direita. O Khanda ainda simboliza as perseguições pelas quais os seguidores da religião sofreram ao longo da história.
  • Suástica – Jainismo: símbolo que também pertence ao hinduísmo e ao budismo, trata-se de uma figura com 4 letras gregas. As letras representam os 4 pontos cardeais, os 4 ventos, as 4 estações do ano e diversos outros fenômenos da natureza que possuem relação com o número 4.

Símbolos religiosos do Cristianismo

Símbolos Católicos

A religião católica se destaca pela grande quantidade de símbolos que emprega. A seguir, confira os alguns dos principais símbolos católicos:

  • Cruz: um dos principais símbolos da religião, representa a morte de Jesus Cristo, mas também sua ressurreição.
  • Chaves Cruzadas: representa a autoridade do papa – figura máxima da Igreja Católica. O símbolo vem do fato de que São Pedro, o primeiro papa da história, recebeu uma chave representando a ligação entre a Terra e o Céu. Ainda, a chave, que abre e fecha, faz referência a autoridade do papa para absolver pessoas de seus pecados cometidos.
  • Lírios: flor que simboliza a ressurreição de Jesus Cristo. O símbolo é mais usado durante o período pascal.
  • Terço: uma corrente formada por contas é um símbolo e um objeto muito usado pelos católicos. Com ele, reza-se o rosário de Nossa Senhora. O rosário teria surgido a partir da rosa, já que a rosa branca simboliza a pureza de Maria, mãe de Jesus.

O terço corresponde à terceira parte de um rosário completo. Através dele são rezadas 150 orações da Ave Marias, intercaladas com a oração de 1 Pai Nosso.

  • Chi Rho: trata-se das duas primeiras letras de Christ (Cristo em grego). O Chi é representado pela letra X e o Rho, pela letra P. Uma figura parecida com o símbolo teria sido encontrada impressa nas paredes de catacumbas romanas. Assim, o Chi Rho, possivelmente, é o mais antigo símbolo que refere-se ao nome de Cristo.

Símbolos Evangélicos

As religiões evangélicas não costumam utilizar símbolos. Um dos únicos utilizados é a cruz – que tem o mesmo significado que para os católicos. Simboliza a morte de Jesus, mas também representa a salvação da humanidade por meio de sua ressurreição.

Símbolo do Islamismo

  • Estrela e o Crescente: é o principal símbolo adotado pela religião Islã. Sua origem é incerta. O símbolo está atrelado à bandeira do Império Islâmico, que representa o domínio do povo muçulmano na região do Oriente Médio, por cerca de 700 anos.
  • Shahadatain: mais um símbolo do Islamismo, a Shahadatain representa “duas Shahadas.” As Shahadas, por sua vez, trata-se de uma declaração de fé muçulmana. O símbolo é tão importante, que para alguém se converter à religião, é fundamental que recite a Shahada.
  • Estrela de Oito Pontas: o símbolo pode ser observado em mesquitas, bandeiras e no Alcorão – livro sagrado da religião Islã. A Estrela de Oito pontas é formada por dois quadrados sobrepostos e é utilizada para ser visualizada enquanto se recita o Alcorão, como uma maneira de manter o fiel concentrado.

Símbolo do Judaísmo

O Judaísmo é uma religião que faz uso de bastantes símbolos. Abaixo, confira os principais símbolos do Judaísmo:

  • Estrela de Davi: é o principal símbolo do Judaísmo. Representa a união dos opostos, além de ser um símbolo que traz proteção aos seguidores.
  • Menorá: é um símbolo que pode ser encontrado nas sinagogas. Trata-se de um candelabro de 7 pontas, que representa a luz da Tora – que nunca deixa de iluminar os judeus. Além disso, cada uma das 7 pontas faz referência às raízes da Árvore da Vida.
  • Tora: livro sagrado, representa todos os mandamentos, preceitos e leis do Judaísmo.
  •  Chai: símbolo que é representado pelas letras do alfabeto hebreu: chet e yud. O símbolo faz referência à vida e é usado como um pingente de pescoço, com o objetivo de proteção. As letras ainda agregam o valor do número 18 – um número considerado de sorte para a religião judaica.
  • Mezuzah: trata-se de um tipo de talismã, que simboliza a proteção e a fé do povo judeu. O Mezuzah é utilizado do lado direito das portas das casas e as pessoas tocam o símbolo antes de entrarem em suas residências.
  • Shofar: chifre de carneiro que representa o ano novo judaico e também a fidelidade de Abraão para com Deus.
  • Mão de Fátima: no Judaísmo, o símbolo trata-se de uma espécie de amuleto contra a inveja e o mau-olhado.

Símbolo do Hinduísmo

O Hinduísmo também costuma usar bastante símbolos. Abaixo, você fica conhecendo alguns dos principais símbolos do Hinduísmo:

  • Om: trata-se de um som sagrado. É o principal mantra da religião e representa a origem da vida, além de proteção.
  • Trishula: é um objeto carregado por Shiva – deus da energia da transformação e do poder criativo. As lanças do símbolo representam três virtudes: criar, preservar e destruir. Ainda faz referência ao passado, presente e ao futuro; além da sabedoria, da ação e da vontade.
  • Suástica: apesar de ser conhecido como uma representação do nazismo, para os hindus, o símbolo representa a boa sorte. Também está ligado a Ganesh – divindade que representa a sabedoria.
  • Mandala: normalmente tem formato circular, embora, às vezes, possa ser representada por um triângulo ou um quadrado. É um símbolo que tem a função de estimular a concentração para a prática da meditação.
  • Tilak: símbolo que identifica os seguidores da religião. É uma espécie de terceiro olho, que significa a consciência de uma pessoa que deseja se tornar um ser humano melhor.

Símbolos Wicca

A Wicca adota símbolos que representam virtudes e alguns dos preceitos da religião. Abaixo, seguem alguns dos principais símbolos Wicca:

  •  Pentagrama: um dos principais símbolos da religião, o pentagrama representa os quatro elementos da natureza: ar, fogo, terra, água. É muito usado em rituais sagrados e como um amuleto que traz sorte.Símbolo religioso
  •  Pentáculo: trata-se de um pentagrama dentro de um círculo e é usado como um amuleto. Representa a unidade do corpo com o espirito. Quatro das cinco pontas do pentagrama representam os quatro elementos da natureza (ar, água, terra e fogo) e a 5ª ponta simboliza o éter – que é de onde se origina o espírito.
  • Lua Tripla: o símbolo vem da cultura celta e representa as três características da Deusa: mãe, donzela e anciã. Também simboliza três fases da lua: a cheia, a minguante e a crescente – que estão ligadas ao ciclo da vida.
  • Triplo Círculo: o símbolo também é conhecido como  “Triskle Celta”. O Triplo Ciclo está ligado à natureza e é utilizado como uma espécie de talismã de sorte e proteção. O símbolo é utilizado durante os rituais que evocam a Deusa Tripla (mãe, velha e virgem) Ainda simboliza o corpo, a mente e o espírito.
  • Heptagrama: é considerado um símbolo mágico na Wicca. É usado em rituais de bruxaria e simboliza a harmonia do Universo, as setes zonas planetárias e as sete cores do arco-íris.
  • Cerunos: cervo com orelhas e chifres, representa na Wicca o poder masculino, os ciclos da natureza, o renascimento e a morte. É muito usado durante rituais da religião.
  • Cruz Ansata: trata-se de uma cruz com as pontas em forma oval. É usado como amuleto e representa a fertilidade, a reencarnação, a imortalidade do espírito e a proteção.

Símbolos do Budismo

O Budismo utiliza-se de diversos símbolos, que representam os ensinamentos de Buda, além de alguns serem usados como amuletos. Conheça os principais símbolos do Budismo:

  • Roda do Dharma: representa o primeiro sermão de Buda, assim que ele se tornou iluminado. A roda com oito raios representa os ensinamentos de Buda, como: pensamento correto, entendimento correto, ação correta, linguagem correta,  esforço correto, modo de vida correto, concentração correta e atenção plena correta.
  • Flor de Lótus: representa o esclarecimento das coisas e a pureza. O caule da flor simboliza o cordão umbilical que liga as pessoas as suas origem. Já a flor faz referência à iluminação humana.
  • Nó Infinito: simboliza a causa e o efeito. Ainda é um símbolo do conhecimento infinito que Buda detém.
  • .Bandeira da Vitória: representa a vitória sobre os pensamentos negativos. O símbolo ainda faz referência a vitória de Buda sobre o demônio Mara.
  • Guarda-sol: o símbolo é uma referência ao poder espiritual. O símbolo é bastante usado pelos budistas, como forma de receber proteção.
  •  Concha: representa o poder das autoridades no Budismo. Já o som que a concha reproduz simboliza o som da verdade.
  • Peixes Dourados: os peixes simbolizam a liberdade do ser humano.
  • Vaso: trata-se do símbolo da abundância. Representa ainda os conhecimentos espirituais de Buda, que são abundantes.

Símbolos da Fé

Os símbolos dá fé têm o objetivo de fazer referências aos ensinamentos das religiões. Ainda são usados frequentemente como espécies de amuletos para a proteção.

Os símbolos da fé ainda têm a função de identificar a qual religião uma pessoa pertence. Além disso, são considerados sagrados e remetem, geralmente, a virtudes que são almejadas pelos seguidores de cada uma das religiões que fazem uso de símbolos da fé.

Símbolos do Taoismo

O Taoísmo é mais uma religião que conta com diversos símbolos, que fazem referências aos preceitos da religião, além de terem a função de amuletos sagrados. Confira, a seguir, alguns dos principais símbolo do Taoismo:

  • Yin e Yang: representa o equilíbrio dos opostos. Trata-se do principal conceito da filosofia taoista.
  • I Ching: é conhecido também como o  “Livro das Mutações”. Trata-se de um texto que, se usado corretamente, tem a função de adivinhar o futuro. É formado por trigramas (junção de 3 caracteres ou letras) e 64 hexagramas – que representam as mudanças frequentes do Universo.
  • Os Oito Imortais: figuras chinesas incorporadas ao Taoismo. São elas:  He Xiangu, Cao Guojiu,  Lan Caihe, Zhongli Quan,  LiTieguai, Lu Dongbin, Zhang Guo Lao e Han Xiang Zi. Fazem referência à criação do Universo, ao Céu e à Terra.
  • Jade: pedra preciosa que, de acordo com a lenda taoista, teria sido criada a partir do sêmen de um dragão. É considerada pela religião uma das pedras mais nobres, que traz sorte e representa a imortalidade e a perfeição.