Símbolos Natalinos – Todos os Símbolos natalinos e seus significados

O Natal é uma das datas mais importantes das religiões cristãs. Ela simboliza o nascimento de Jesus Cristo. É comemorada no dia 25 de dezembro, há mais de 1.600 anos. Muitos símbolos natalinos são atribuídos a data para a sua comemoração.

Todos os Símbolos natalinos e seus significados

Muitos símbolos natalinos são usados para os cristãos celebrarem a importante data. Eles são utilizados para enfeitar casas, ruas, fachadas e diversos locais.

Como símbolos natalinos podemos citar:

  • Árvore de Natal: representa, na tradição cristã, a vida, a paz, a alegria da data e esperança.
  • Presépio de Natal: é composto pelos personagens que participaram do momento do nascimento de cristo. Simboliza o momento da chegada de Jesus Cristo ao mundo.
  • Papai Noel: a figura do bom velhinho representa a bondade. Por esse motivo existe a tradição da distribuição de presentes para as crianças.
  • Renas: são os animais que fazem o transporte do carro do papai noel na noite de natal. Eles ajudam o bom velhinho a fazer a distribuição de presentes a todas as crianças.Desenho dos Símbolos Natalinos
  • Estrela de Natal: simboliza a estrela guia que auxiliou aos 3 reais magos. A estrela indicou o caminho do nascimento do menino Jesus.
  • Sinos de Natal: simboliza o anúncio do nascimento de Jesus Cristo para toda a humanidade.
  • Guirlanda de Natal: é utilizada para celebrar a chegada da data. Trata-se de um enfeite, geralmente em forma de roda. É colocado nas portas da casa na época de Natal.
  • Pinheiro de Natal: simboliza a esperança, a mudança, a alegria.

Origem dos símbolos natalinos

Cada um dos símbolos natalinos tem um significado, embora o de alguns sejam desconhecidos. Confira:

  • Papai Noel: trata-se de um personagem lendário que foi incorporado ao Natal pelas culturas ocidentais. Foi escolhido como o bom velhinho, que presenteia as crianças, a figura de São Nicolau – cuja data comemorativa do santo é em 6 de dezembro.
  • Árvore de Natal:  A maioria das pessoas não sabe, mas o hábito de enfeitar as árvores é anterior ao próprio Natal – tal hábito também foi adotado pelos ocidentais para celebrar o dia 25 de dezembro. O hábito de ornamentar árvores está presente em praticamente todas as religiões para comemorar uma data.

A prática celebra a fertilidade e, no caso do cristianismo, o nascimento do menino Jesus. Sabe-se, porém, que os romanos já enfeitavam árvores como forma de honrar Saturno – que era o Deus da agricultura.

No mundo ocidental foram os ingleses que começaram a usar a árvore enfeitada para comemorar a data. Tradição que se expandiu para os outros países rapidamente.

Outros Símbolos do Natal

  • Presépio de Natal: Segundo alguns estudiosos o primeiro presépio fora montado para celebrar o Natal por São Francisco de Assis, em 1223. De lá para cá, se tornou uma importante tradição para a data festiva.
  • Renas: A lenda das renas que guiam o Papai Noel pelo céu foi criada e 1939 e retratada no filme “Rena do Nariz Vermelho”.  São animais que destacam pela sua velocidade. Por isso, foram denominadas os animais que guiam o trenó do bom velhinho,
  • Estrela de Natal: Não se sabe a origem exata da estrela de Natal, mas até hoje a ciência procura explicações sobre sua origem astronômica. Sabe-se apenas que ela foi usada para complementar os enfeites das árvores de natal, ficando no topo da árvore.
  • Sinos de Natal: o sinos começaram a serem usados como símbolo do Natal a partir da propagação do cristianismo pelos países ocidentais.
  • Guirlanda de Natal: outro símbolo que foi incorporado ao Natal pelos cristãos ocidentais. A tradição, porém, é anterior a data. Os gregos já utilizam o ornamento na porta de suas casas para a trair a presença dos deuses gregos. Já na  Roma Antiga, ramos de planta no formato de coroa eram pendurados na porta, como voto de boa saúde.
  • Pinheiro de Natal: Tem a mesma origem da Árvore de Natal, que antecede a própria data.

Símbolos natalinos da igreja católica

Os símbolos natalinos da igreja católica são diferentes dos símbolos natalinos usados pela cultura popular. Dentre os símbolos usados pela igreja católica estão:

  • Canções de Natal: a igreja sempre deu muita importância às músicas. Na época de Natal os cultos católicos, que são as missas, são cantadas músicas que fazem referência a data. Os estudiosos afirmam que as primeiras canções de Natal surgiram no século IV. As canções passaram por adaptações e são cantadas até hoje.
  • Os Reis Magos: Os reis magos são figuras bastante importantes para a igreja católica. Pois, segundo a bíblia, foram eles que presentearam o menino Jesus com mirra (Baltasar) , ouro (Melquior) e incenso (Gaspar).
  • Vela: é usada pela Igreja Católica por milhares de ano. Não se sabe quando ela começou a ser usada no Natal, mas representa a iluminação e renovação que a data expressa.
  • Presépio: embora também esteja presenta na cultura popular, praticamente todas as igrejas católicas montam presépios na ocasião, desde 1223.

Símbolos da cultura popular

Como já foi mencionado, os principais símbolos de natal da cultura popular são:

  • Árvore de Natal
  • Presépio de Natal
  • Papai Noel
  • Renas
  • Estrela de Natal
  • Sinos de Natal
  • Guirlanda de Natal
  • Pinheiro de Natal

    Papai Noel

Curiosidades dos Símbolos natalinos

Confira agora algumas curiosidades sobre alguns símbolos de natal:

  • Árvore de Natal: A primeira árvore de Natal montada no Brasil foi no Rio Grande do Norte, no ano de 1909.
  • Sino: A música “Toca o sino”, que em inglês chama-se “Jingle Bells” foi tocada a primeira vez no dia 16 de dezembro de 1965.
  • A Árvore de Natal pode ter sido até uma criação Alemã – de acordo com algumas  teorias. Porém, sabe-se que foram os ingleses que popularizaram a árvore enfeitada como símbolo tradicional do Natal. Acredita-se que os ingleses tiveram os primeiros contatos com a tradição de montar e ornamentar árvores no Natal durante a década de 1850.
  • Luzinhas na árvore: Edward Johnson, assistente de Thomas Edison, foi quem teve a ideia de enfeitar árvores de Natal com luzes coloridas. A população em geral, porém, só teve acesso as luzinhas coloridas em 1980 – quando  começaram a serem produzidas em massa pelos Estados Unidos.
  • “Feliz Natal”: a frase é bem diferente em outras línguas, mas quase todas são parecidas e derivadas do latim, como: em francês, Joyeux Noël;em italiano: Buon Natale; e em espanhol: Feliz Navidad.
  • Noite Feliz: a canção teria surgido na Áustria, na cidade de Arnsdorf, em 1818.
  • Cores do Natal: O vermelho simboliza o sangue de Jesus Cristo. O verde representa a vida e o renascimento. E o dourado faz referência à luz, à realiza e à riqueza.
  • Casa Aberta: Na Europa, na noite de Natal, era de costume que as pessoas deixassem as portas de suas casas abertas para que todos que visitassem as residências participassem das ceias.

Pergunta dos leitores

Qual o significado da vela de natal?

A vela simboliza a luz trazida com o Natal, juntamente com o nascimento de Jesus Cristo. Significa a iluminação e o renascimento.